null Fundação Edson Queiroz lança Pedra Fundamental do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz

Fundação Edson Queiroz lança Pedra Fundamental do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz

A solenidade contará com a presença de autoridades, professores, alunos e gestores da Universidade de Fortaleza


Governador Camilo Santana reconhece relevância do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz, homenagem a dois cearenses responsáveis pelo desenvolvimento socioeconômico do Ceará e também pelo fomento às atividades artísticas e culturais (Foto: Ares Soares/ 2019)
Governador Camilo Santana reconhece relevância do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz, homenagem a dois cearenses responsáveis pelo desenvolvimento socioeconômico do Ceará e também pelo fomento às atividades artísticas e culturais (Foto: Ares Soares/ 2019)

A Fundação Edson Queiroz promove no dia 24 de março, a partir das 9h, o lançamento oficial da Pedra Fundamental do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz, a ser construído no local do antigo Centro de Convenções de Fortaleza. A solenidade de lançamento contará com a presença de autoridades cearenses, professores, alunos, egressos e gestores da Fundação Edson Queiroz.

O Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz é uma homenagem a dois cearenses responsáveis não só pelo desenvolvimento socioeconômico do Ceará, mas também pelo fomento às atividades artísticas e culturais no Estado e no Brasil. O evento de lançamento constará da exibição de vídeo sobre o projeto de arquitetura. Em seguida, os presentes serão convidados a se dirigirem até o local de descerramento da Pedra Fundamental, em área ao lado da Universidade de Fortaleza (Unifor), da Fundação Edson Queiroz.

O projeto do novo equipamento de arte, cultura e educação do Ceará é de autoria do arquiteto cearense Luiz Deusdará, renomado profissional com mais de mil obras espalhadas por todo o País e detentor de diversos prêmios nacionais e internacionais. O projeto compreende museu, teatro, auditórios e área de convivência com restaurantes e lanchonetes. A construção do equipamento terá início no primeiro semestre de 2023 e será feita em três etapas.

Devolução do Centro de Convenções

O governador Camilo Santana e a presidente da Fundação Edson Queiroz, Lenise Queiroz Rocha, formalizaram em 7 de junho de 2019, a devolução do antigo Centro de Convenções para a construção do complexo de arte e cultura. A solenidade aconteceu na Reitoria da Unifor com a presença do chanceler Edson Queiroz Neto, da reitora Fátima Veras, de vice-reitores e diretores da universidade, além de secretários estaduais. A solenidade aconteceu após o Governo do Estado publicar no Diário Oficial do Estado (DOE) a lei nº 16.900, de 28/05/19, devolvendo a área de aproximadamente 14 mil m2 à Fundação Edson Queiroz.


Em 2019, foi formalizada a devolução do terreno do antigo Centro de Convenções para a construção do novo complexo de arte e cultura (Foto: Ares Soares)

A história do Centro de Convenções teve início em 1973. Em função de o Ceará não dispor de um espaço para abrigar eventos de grande porte à época, o chanceler Edson Queiroz resolveu doar o terreno ao governo estadual, para a construção do antigo Centro de Convenções. Por um longo período, o equipamento abrigou os principais shows, congressos e palestras do Ceará. Este ciclo terminou em 2012, com a inauguração do  Centro de Eventos pelo então governador Cid Gomes.

A Fundação Edson Queiroz construirá no local moderno complexo de arte e cultura, composto de museu, teatro, auditórios e salas multifuncionais. O museu servirá para acolher a coleção de obras de arte da Fundação Edson Queiroz, bem como para a realização de exposições nacionais e internacionais, que atualmente acontecem no Espaço Cultural Unifor, inaugurado em 1988, reformado em 2004 e ampliado em agosto de 2018. A construção do complexo, que se tornará uma das principais opções de entretenimento artístico e cultural do Ceará, ficará sob a responsabilidade da Fundação Edson Queiroz.

Na lei sancionada pelo governador Camilo Santana, o governo estadual ressalta que o complexo cultural da Fundação Edson Queiroz gerará “retorno imensurável em diversos aspectos, desde o incremento do turismo à elevação do status do Ceará como um polo artístico e cultural nordestino". O novo equipamento dará, assim, continuidade ao trabalho desenvolvido pela Fundação Edson Queiroz, na difusão da arte e cultura e na formação de plateia.

O trabalho desenvolvido pela Fundação Edson Queiroz, na difusão da arte e cultura e na formação de plateia, será fortalecido pelo novo equipamento (foto: Ares Soares/ 2019)

Ao longo dos últimos 15 anos, o Espaço Cultural Unifor, pertencente à Fundação Edson Queiroz, abrigou 58 exposições, de importantes artistas nacionais e internacionais, como Miró, Rembrandt, Rubens, Antonio Bandeira, Burle Marx, Helio Oiticica, Iberê Camargo, Leonilson, Portinari, Raimundo Cela e Vik Muniz, entre outros, além de 21 edições da Unifor Plástica, iniciativa de valorização da arte do Ceará. Desde a reforma, em 2004, o Espaço Cultural Unifor já recebeu mais de um milhão de pessoas, em sua grande maioria cearenses, e, entre eles, universitários e alunos de escolas de ensino médio das redes pública e privada.

11/06/1971

Fundação Edson Queiroz adquire área de 27 mil metros quadrados localizada na avenida Washington Soares

04/05/1973

A Fundação Edson Queiroz faz a doação, mediante convênio e por prazo indeterminado, de área de 26.775 m2 ao Governo do Estado, desde que seja utilizada para a construção do Centro de Convenções

1974

O então governador César Cals entrega à população do Ceará um de seus principais equipamentos turísticos à época: o Centro de Convenções Chanceler Edson Queiroz

15/08/2012

Governo do Estado inaugura o Centro de Eventos do Ceará (CEC)

15/04/2013

A Fundação Edson Queiroz e o Governo do Estado assinam protocolo de intenções para devolução parcial do terreno, para construção de um complexo cultural.

08/06/2013

Governo do Ceará publica no Diário Oficial do Estado (DOE) a lei nº 15.367/13, ratificando os termos estabelecidos no protocolo

22/12/2018

Fundação Edson Queiroz envia proposta para novo protocolo de devolução do terreno de aproximadamente 14 mil metros quadrados sob o encargo de construção do complexo de arte e cultura

28/05/2019

Governo do Ceará publica no Diário Oficial do Estado (DOE) a lei nº 16.900, devolvendo parte do terreno à Fundação Edson Queiroz, confirmando o estabelecido no protocolo assinado entre as partes

07/06/2019

Fundação Edson Queiroz e Governo do Estado formalizam a devolução do terreno para construção de complexo de arte e cultura no local do antigo Centro de Convenções Chanceler Edson Queiroz

06/09/2019

Início da demolição do antigo Centro de Convenções de Fortaleza

17/01/2020

Conclusão da demolição do antigo Centro de Convenções de Fortaleza

24/03/2022

Lançamento da Pedra Fundamental do Complexo Cultural Yolanda e Edson Queiroz